Carros Financiados – o carro novo ou usado ao seu alcance, com prestações que cabem no seu bolso.

Quando você deseja comprar um carro financiado precisa saber que vai precisar fazer simulações nos sites das instituições bancárias e agências financiadoras, para escolher o melhor financiamento disponível, de acordo com suas necessidades. 

www.FreeDigitalPhotos.net

Existe na internet uma grande variedade de simuladores para financiamento de carros e as diferenças nas condições oferecidas são muito grandes. Por esse motivo é importante gastar um tempo com essa pesquisa. Muitas vezes as condições oferecidas nos sites da Internet diferem do que é proposto pelos gerentes dos bancos. Os simuladores nas agências bancárias parecem contar com vantagens menores. Na verdade, os simuladores na Internet desejam atrair os clientes e acabam por oferecem condições atraentes para que o interessado se disponha a solicitar informações detalhadas pessoalmente na agência bancária.

Os simuladores para carros financiados mostram como ficará o valor das prestações, de acordo com o prazo do financiamento de um carro novo ou usado.

Se você estiver interessado em comprar um Citroën, por exemplo, vai encontrar no site um simulador que mostra as condições para fazer um Leasing ou para contratar um crédito direto ao cliente, ou CDC. É necessário informar o valor a ser financiado, se o carro é novo ou usado ou o prazo para o financiamento que você deseja.

O Banco Itaú também possui um simulador para carro financiado em seu site, para atender a qualquer tipo de público. Já o Banco Real oferece um simulador apenas para seus clientes. O Unibanco também possui um simulador, sem que seja preciso ser correntista do banco para utilizar. As opções de prazo variam de 6 a 36 meses. Se você optar pelo Leasing, ou seja, a modalidade em que o carro só passa para o seu nome ao final do financiamento, o prazo aumenta para até 60 meses.

O CDC, ou Crédito Direto ao Consumidor atende a maioria dos interessados, por ser de fácil contratação. O Banco do Brasil disponibiliza aos seus clientes esse tipo de crédito para carros financiados.

O financiamento de carros na Caixa pode ser conseguido através do Crédito Auto Caixa. O sistema financia até 90% do valor do carro e o pagamento pode ser em até 60 meses. O carro fica alienado, isto é, não pode ser vendido pelo seu proprietário até o término das prestações mensais. Os valores do pagamento mensal são calculados com juros da Tabela Price e permite que a dívida possa ser antecipada, adiantando-se o pagamento de parcelas com desconto dos juros.

Todos os financiamentos oferecidos por instituições bancárias cobram uma taxa para realizar a operação, juros e o IOF.

Se sua renda for muito baixa é importante saber que as parcelas não podem atingir 40% da sua renda. Isso quer dizer que para contratar o financiamento de um carro você precisa ganhar três vezes mais o valor da prestação mensal. Essa condição será exigida em qualquer financiamento.

O mais indicado é possuir o valor para uma entrada inicial e financiar o restante. Alguns empréstimos não exigem entrada, como o CDC, mas ele somente é concedido para correntistas regulares de um banco. Um carro popular, com valor médio de R$30 mil não é vendido sem entrada através dos financiamentos das concessionárias. As prestações de valores baixos, oferecidos pelas campanhas publicitárias, na verdade se referem ao que é financiado depois que o cliente efetua o pagamento de uma  entrada, que varia de 40% a 50% do valor do automóvel.

Se você não consegue dar uma entrada para um carro financiado ou se o valor das prestações for muito alto, a melhor opção é aderir a um consórcio, onde as parcelas são menores e os reajustes também.

Ao financiar um veículo você estará comprometendo sua renda mensal com essa dívida. Não se esqueça de que, além das prestações mensais, você vai ter que arcar com despesas de combustível, seguro do carro, IPVA, eventualmente uma oficina mecânica.

Se você estiver com problemas com os sistemas de proteção ao crédito, como o SPC e o Serasa, sem acesso aos financiamentos de carros mais baratos que poderia conseguir em um banco, tente primeiramente renegociar suas dívidas, procure a loja ou as lojas onde deve. Fazer a dívida do financiamento em nome de outra pessoa pode comprometer suas amizades ou prejudicar o membro da família, caso aconteça uma eventualidade que impeça o pagamento das prestações.

A alegria inicial com o carro novo pode dar lugar, depois de algum tempo a muita angústia quando se percebe que o pagamento está comprometendo a aquisição de bens essenciais e desequilibrando todo o orçamento. Para quem não pode continuar a pagar, devolver o veículo é uma solução triste. Outra solução é tentar encontrar um comprador que assuma a dívida e pague o restante das prestações, mas isso não costuma ser muito fácil. Por isso, muitas vezes é melhor adiar a realização do sonho da compra do carro para o momento em que você possa realmente arcar com esse compromisso.